Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Palavras de Areia ®

Partilha de sentires, emoções, aferições, estados de alma e coisas banais. Pequenas histórias de ontem, de hoje e que se sonham para o amanhã. Poemas meus e desabafos de amor e de vida.

Palavras de Areia ®

Partilha de sentires, emoções, aferições, estados de alma e coisas banais. Pequenas histórias de ontem, de hoje e que se sonham para o amanhã. Poemas meus e desabafos de amor e de vida.

03.11.21

Colona


Maresia

Naveguei por mares desconhecidos,
Prazeroros e sofridos...
Acalentei a esperança de conquistas,
Desfrutei a viagem,
Perdida nos horizontes sem fim...
Perdidamente iludida...
Agora, esgotadas as forças,
Rasgada pelos infortúnios,
Ancorarei o meu barco distante,
Apenas eu e o ondular das ondas
A embalar a alma e o meu peito vazio,
Adormecida do mundo. Esquecida.
Que os sonhos me acordem de mansinho.
Que apenas eu creia na minha existência.
Ilha desconhecida e deserta,
De areal brilhante, penedos deslumbrantes,
Frondosas árvores, mantos de flores,
Riachos, assombrosas cascatas...
E com as minhas asas de espanto,
Reinventarei o mundo. O meu.

386244a82f3568f9fb55e8fb1fb50d17.jpg

 

Partilhar comentário:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.