Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Palavras de Areia ®

Partilha de sentires, emoções, aferições, estados de alma e coisas banais. Pequenas histórias de ontem, de hoje e que se sonham para o amanhã. Poemas meus e desabafos de amor e de vida.

Palavras de Areia ®

Partilha de sentires, emoções, aferições, estados de alma e coisas banais. Pequenas histórias de ontem, de hoje e que se sonham para o amanhã. Poemas meus e desabafos de amor e de vida.

14.01.21

A minha Epopeia

Caminho de Santiago


Maresia

O Caminho de Santiago foi para mim uma experiência inigualável, uma epopeia de vida. E, tal como a de Camões, foi dotada de grandeza, solenidade e heroísmo. E nela cantei os meus 40 anos de vida e os Homens e Mulheres ilustres que a preencheram de afeto e ensinamentos.

A minha Proposição, uma vivência única, um teste psicológico e de superação física, alcançada no momento que vislumbrei a Praza do Obradoiro e percorri aquele tapete de pedras a olhar a monumentalidade da Catedral. Aí, tive a certeza que sim.

A Invocação de inspiração e força dirigia aos meus filhos, às minhas estrelas e a este Deus de luz e poeta que criei só para mim. E passo a passo, eles foram, certamente, depositando a sua bênção de coragem e sentir em mim. E a minha Dedicatória foi também para os meus filhos-deuses, para que estes meus três corações, a viver fora do meu peito, saibam que não devemos desistir de nós, dos nossos sonhos e que a força de ultrapassar obstáculos está no lutar e não na resignação perante o que a vida nos dá. E que só o amor que nasce de dentro de nós, é digno de inundar o outro. Temos que ser a fonte de nós mesmos e não esperar que os outros nos matem a sede.

O meu Plano de Viagem foi uma descoberta maravilhosa de mim mesma, embrenhada no silêncio e na música da Natureza, envolvida por cenários de uma beleza indescritível.

E nesta minha Viagem, mulher e mãe, como as que choravam na Ribeira das Naus, parti com o coração apertado, como os marinheiros de Vasco da Gama, mas com a força e coragem do Povo Português consegui chegar ao meu destino. Nela percorri os trilhos de Santiago, mas também fiz uma viagem interior, revivendo os episódios mais marcantes da minha história de vida, de conquistas e batalhas, vencendo tempestades. Rocha abraçada pelo meu Adamastor dobrei cabos de dificuldades, enfrentei Velhos do Restelo e até me senti serena e apaixonada como Inês de Castro nos “saudosos campos do Mondego”.

A vós, que foram os meus Reis de Melide, agradeço o terem-me acompanhado e por receberem estas minhas partilhas de braços abertos.

20200114_145700.jpg

 

 

Partilhar comentário:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.